CLIMA SECO FAZ MAL PARA SAÚDE

publicidade

O tempo seco comum nas estações mais frias do ano em alguns estados desencadeiam tosses, dores de garganta e alergias. Além dos problemas provocados pela poluição das grandes capitais a baixa umidade do ar acaba provocando diversas doenças e sintomas desagradáveis. Mas existem algumas dicas que você pode seguir para evitar maiores problemas, principalmente entre crianças e idosos que são os que mais sofrem com o tempo seco.

A primeira dica é sempre se manter hidratado. Apesar do frio precisamos beber muita água todos os dias. Corpo hidratado significa menos irritações e inflamações no sistema respiratório. A dica da bacia com água ou toalha molhada ajuda muito. Se você tem condições o ideal seria comprar um umidificador de ar moderno que permite controlar a qualidade do ar da sua casa.

Você também deve tomar providências para evitar sujeiras e poeira acumulada. Ambientes limpos possuem menos ácaros e bactérias e com isto você melhora a qualidade do ar usado por crianças e idosos na sua casa. Existem atualmente aparelhos que funcionam como esterilizadores de ar que custam pouco e dão resultado.

A alimentação também ajuda nos meses mais secos do ano. Inclua frutas na sua alimentação diária. O dinheiro que você gasta comprando uma fruta você economiza nos remédios. É fundamental ter fontes diárias de vitaminas. Não caia na história de comprar vitaminas em farmácias. O correto é consumir as vitaminas das frutas e verduras e não vitaminas sintéticas.

O seu quarto precisar ser arejado durante o dia e umedecido na hora de dormir. Hoje em dia existem aparelhos de climatização de ar que conseguem melhorar a qualidade do ar da casa. Apesar do pano umedecido na cabeceira da cama antes de dormir funcionar a umidade pode se elevar de forma exagerada. O correto seria um equipamento capaz de monitorar a umidade do ambiente agindo para que ela fique dentro de um nível saudável.

E se você tem dificuldades respiratórias durante os dias secos e nunca foi a um médico é importante ir. Caso apresentem sintomas persistentes com a chegada do tempo seco é fundamental uma avaliação e nunca se medicar sem orientação.

Se você gostou clique no botão . Para ser avisado quando novos conteúdos forem publicados cadastre seu e-mail clicando aqui ou assinar nosso feed.
Compartilhe com seus amigos:

LINKS PATROCINADOS

Comentários